Salve Luiz Gonzaga!

No dia do centenário de Luiz Gonzaga, o post não poderia ser outro que não uma homenagem ao mestre.

Selecionei o comentário do Magro sobre ‘Chofer de Praça’, gravada no terceiro LP, em 1968.

Lembro de um dia o Magro falar dessa música para o repertório do Vésper Vocal, que estava pesquisando canções relacionadas com o tema trabalho. No ensaio seguinte coloquei pras meninas ouvirem e, num instante,  o Magro estava conosco contando a história da música e explicando o que é a tal de brise que aparece na letra: uma marcha extra que tinha no carro, além da primeira, da segunda e da marcha ré. Acho que equivaleria a uma sexta marcha nos carros de hoje em dia. Velocidade total com a terceira marcha!

É uma música que a gente não conhecia, nos foi apresentada por Fernando Lobo. Na verdade é de autoria do Fernando Lobo e do Evaldo Ruy e foi um grande sucesso na voz do Lua, o Luiz Gonzaga. Pra gravação, creio que o arranjo de base foi meu, bem simples, não usei praticamente nada, mas me lembro que nós tivemos que usar um gravadorzinho cassete. Estávamos gravavando no estúdio da Philips, na Av. Rio Branco, e a entrada do estúdio era numa galeria. A gente desceu, foi até a rua e o Ruy ligou o fusca dele. Nós gravamos o motor do carro e as buzinas no tal gravador cassete pra colocar como fundo de efeito nessa música que é muito interessante. 

MTW

Chofer de Praça (Fernando Lobo e Evaldo Ruy)

Anúncios
Esse post foi publicado em Coisas do dia a dia e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s